30 palavras por segundo

Eu deixarei queimar tua memória dentro de mim, 
Tua face que me enche de cólera.
Eu deixarei meu coração sofrer pela falta,
Então, tomar algumas bebidas.

A minha metralhadora de palavras, cospe!
30 palavras por segundo, sem hesitação.
E só saio daqui quando todos morrerem, 
Com o coração na mão, e o pesar do sobreviventes.

Deixei.

Morrerá: coração, mente,
Enquanto queima.